Comércio Investe – Nova Fase de Candidaturas 2015

comercio_investe

Entidades Beneficiárias
– Micro e Pequenas Empresas de acordo com certificação IAPMEI;
– CAE 47, com algumas exceções, agradecemos consulta para validação do enquadramento do seu negócio!

Despesas Elegíveis
– Aquisição de Equipamentos e Software para suporte à Atividade Comercial, nomeadamente, introdução de Tecnologias de Informação e Comunicação, Equipamentos e Sistemas de Segurança, dinamização de Serviços Pós-Venda e outros que se mostrem necessários;
– Aquisição de Equipamentos e Mobiliário que se destinem a Áreas de Venda ao Público, visando a melhoria da imagem e animação dos estabelecimentos e a adequada identificação, localização e apresentação de produtos;
– Aquisição de Equipamentos, Software e Conceção de Conteúdos destinados à criação ou dinamização da presença na Internet através de espaços virtuais de divulgação da oferta e de comércio eletrónico, para complemento à oferta existente no Estabelecimento Comercial;
– Despesas com Assistência Técnica nas Áreas da Decoração, Design de interiores, Vitrinismo e Tradução de Conteúdos para Língua Estrangeira;
– Despesas com a Criação e Proteção da Propriedade Industrial;
– Obras destinadas especificamente à Requalificação da Fachada e/ou Remodelação da Área de Venda ao Público no Interior do Estabelecimento e aquisição de Toldos ou Reclamos para colocação no exterior do Estabelecimento;
– Estudos, Diagnósticos, Conceção de Imagem, Projetos de Arquitetura e das Especialidades e Processo de Candidatura.

Os Projetos a apoiar deverão possuir um prazo de execução até 12 meses, não incluir despesas anteriores à data da candidatura, à exceção dos adiantamentos para sinalização relacionados com o projeto, até ao valor de 50% do custo de cada aquisição, e corresponder a um Investimento Mínimo Elegível na ordem dos 15 mil euros.

Apoios
O Apoio a conceder no âmbito da Medida “Comércio Investe” assume a natureza de Incentivo Não Reembolsável (i.e. a “Fundo Perdido”), correspondente a 40 % das Despesas Elegíveis, ainda que limitado a um montante global de 35 mil euros a atribuir por Projeto. Adicionalmente e em função da avaliação que venha a ser realizada sobre a o nível de realização do Projeto, poderá ainda vir a ser atribuído um Prémio de boa execução, correspondente a uma majoração de 10 % sobre o Valor do Incentivo que possa vir a ser apurado.

Periodos_apresentacaocandidaturas
Boletim Informativo por Susana Moreno
Bolsa de Contas, Lda